terça-feira, 2 de junho de 2015

Técnicas de limpeza energética





Técnicas de limpeza energética
Blog

(...)
E é por isso que a arruda, o sal grosso, o incenso e a respiração são tão profundos e eficientes para o segundo tópico que vamos tratar neste conteúdo. Eu vou explicar de uma forma bem básica.
O uso da arruda para uma limpeza energética é muito recomendado. Ela tem um poder de absorção sem igual. Mas não dá para você ficar usando arruda todos os dias, precisamos ir aprendendo a identificar as causas do desequilíbrio e criar o nosso próprio processo de proteção pessoal sem depender de arruda, de incenso ou de sal grosso.
Você pode pegar um pequeno galhinho de arruda e deslizar sobre você por dois minutos, passando pelo seu corpo com uma intenção positiva. Pode passar no alto da cabeça e, principalmente, na região do estômago, do plexo solar. Essa é uma forma de se equilibrar imediatamente.
Após esse procedimento, você pode descartar a arruda no lixo. Ela não está suja, mas cedeu toda a energia vital que armazenou para reequilibrar a sua aura.
Quando você queima o incenso e não pensa em nada, ele é só um aroma, a energia das plantas é dissipada pelo ambiente, mas você não dinamiza o campo energético delas. Para ativar a energia das ervas, basta ativar a sua intenção no momento em que começar a queimar o incenso.
Para fazer a limpeza energética, pegue o incenso, queime-o, eleve o pensamento a Deus e passe ao redor do seu corpo com suavidade, para que a fumaça te envolva, com cuidado para não se queimar com a brasa.
Você precisa acoplar a intenção de limpeza, fazendo uma oração, elevando os pensamentos e as emoções, acenda o incenso e projete nisso a intenção da limpeza energética.
2
Esse é um elemento que funciona mesmo! A melhor forma de utilizá-lo é dissolvido em água. Pegue duas ou três colheres de sal grosso, coloque numa bacia com um litro de água (mineral de preferência). Ponha os pés dentro dessa vasilha e eleve seus pensamentos a Deus, serene sua mente ouvindo uma música boa, por exemplo, e fique com os pés imersos nesse líquido.
Você pode fazer qualquer uma dessas práticas todos os dias, alternadamente, ou usar todas as técnicas juntas. Mas se todos os dias você não está se sentindo bem, significa que você está errando na causa. As técnicas ensinadas nesse conteúdo são para tratar a consequência, que tem uma origem. Agora estamos aprendendo a tratar a consequência, mas também é preciso tratar a causa.
É possível fazer a limpeza com sal grosso na hora do banho, mas jogue a solução de água com sal do pescoço para baixo porque o sal eletrifica e muda a qualidade do seu cabelo. Mas, pelo escalda-pé, você pode usar a água em qualquer temperatura e o procedimento também alia os pontos de reflexologia. Por isso, todo o seu corpo já será limpo com a imersão dos pés em águia e sal grosso.
Quando você respira, você oxigena seu sangue e muda todo o seu padrão energético. Ao respirar com intenção, sua aura cresce, expande-se e cria o efeito repelência, expulsando a energia negativa por meio dessa acomodação e expansão do campo áurico.
A respiração pausada deve ser utilizada juntamente com a técnica do sal grosso, inspire bem profundamente 20 vezes. Diminua a intensidade caso sinta tontura e procure realizar esta técnica de maneira tranquila. Entre todas as técnicas que apresentei aqui, a respiração, para mim, é uma das mais rápidas e efetivas. É normal você começar a bocejar.
Essas quatro técnicas de limpeza com esses quatro elementos não são brincadeira.

______

COLARES curtos com fio extensivel medalha em madeira, |Diam. 20mm












Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...